8 conselhos úteis para gerir melhor a ansiedade e stress causados pelo novo Coronavírus

844

Atualmente, vivemos um momento histórico alarmante devido à pandemia do novo coronavírus, COVID-19.

A velocidade com que este vírus se tem espalhado tem motivado medidas de prevenção um pouco por todo o mundo.

Assustadas, muitas pessoas têm feito corridas ao supermercado para adquirir álcool em gel, todo o tipo de enlatados, papel higiénico, entre outros artigos. Porém, é importante manter a prudência e evitar comportamentos extremos.

Para ajudar a controlar a ansiedade e stress provocados pelo COVID-19, deixamos alguns conselhos:

  1. Respeitar regras simples para reduzir os riscos

Evite sair de casa ao máximo, lave as mãos frequentemente, não toque no rosto, evite contato direto com outras pessoas e mantenha uma distância segura em locais públicos.

  1. Aceitar a situação com serenidade

O COVID-19 é uma emergência que pode ser contida, mas não pode ser erradicada num dia. Devemos trabalhar em aceitar isso, pois vão sempre existir coisas na vida que não conseguimos controlar. Para fazer isso, pode ser útil focar na redescoberta de pequenas alegrias diárias, mesmo quando estiver em casa.

  1. Adotar hábitos

Mesmo de quarentena, é importante não esquecer os bons hábitos. Evite comer ou beber demasiado, não se mexer e negligenciar-se a si mesmo. É tempo de cuidar da saúde física e mental, mais do que nunca. Procure formas criativas de passar o tempo e tratar do seu bem-estar em simultâneo, como meditação, exercício, leitura, entre outras atividades.

  1. Reconhecer que estamos ansiosos e não nos expormos excessivamente às notícias

É normal ter medo da evolução deste novo vírus e procurar estar informado e constantemente atualizado. Porém, é importante não nos deixarmos sobrecarregar pelas notícias, e lembrarmo-nos que é cada vez mais fácil espalhar fake news. Escolha fontes seguras e de confiança, evitando ainda assim consultá-las de forma compulsiva.

  1. Voltar as energias para ajudar os outros e dar forças aos nossos entes queridos

Apesar de esta epidemia nos manter distantes a nível físico, há muitas formas de fazermos com que os nossos familiares e amigos se sintam próximos de nós.

  1. Sacrificar para ajudar todos

É importante manter em mente que os sacrifícios que estamos a fazer são úteis, que têm razão de ser, e que as coisas voltarão ao normal a seu tempo.

  1. Procurar ajuda

Não tenha vergonha de procurar ajuda profissional, principalmente se estiver a sentir-se sobrecarregados com o peso do stress, ansiedade e medo.

  1. Confiar na nossa força

Este novo vírus é apenas o mais recente de muitos desafios que a humanidade enfrentou e enfrentará. Em comparação com o passado, a ciência registou grandes avanços e temos profissionais especializados brilhantes, pelo que faz sentido confiar que será encontrada uma solução. Vamos conseguir dar a volta, todos juntos.

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Aceitar Ler Mais