Este homem segurou um cartaz para a esposa na parte de fora da casa de repouso dela no 67º aniversário de casamento deles

302

Devido ao surto de coronavírus, este casal não teve escolha a não ser passar o 67º aniversário de casamento separadamente. Mas Bob, de 90 anos, residente em Connecticut, recusou-se a deixar que esse obstáculo o impedisse de surpreender a esposa naquele dia especial.

Após ter sido diagnosticada com demência, a esposa de Bob Shellard, Nancy, de 88 anos, teve de ser transferida para uma casa de repouso em Stafford Springs, Connecticut, em dezembro. Desde então, quase todos os dias, Bob pede a alguém que o levem para a visitá-la. “Sinto falta dela agora que ela está no lar de idosos”, disse.

No dia 14 de março, era suposto Bob visitar Nancy, por ser o dia do 67º aniversário de casamento deles, mas o lar deixou de aceitar visitas desde 9 de março por causa do Covid-19.

“Eu disse-lhe que ele não poderia entrar, mas talvez eles pudessem levá-la até à janela e pudessemos ficar com balões do lado de fora para ela nos ver”, disse Laura Mikolajczak, a filha mais nova do casal.

Tendo trabalhado na indústria de artes gráficas, Bob decidiu usar as suas habilidades criativas para fazer um cartaz para a esposa que ela pudesse ler pela janela. Comprou os materiais e trabalhou no cartaz durante alguns dias na sua mesa da cozinha.

Bob cortou um coração de feltro vermelho e cobriu as bordas com glitter. Então, com letras bonitas, escreveu: “Amei-te durante 67 anos e ainda te amo. Feliz aniversário”.

No dia 14 de março, Laura levou o pai até à casa de repouso, onde a equipa os esperava. Alegremente, levaram Nancy até à janela para que ela pudesse ver o gesto romântico do marido.

“Só queria que ela soubesse que eu não me esqueci. Este ano, ela pode ter esquecido o nosso aniversário, mas eu esperava que isso a relembrasse”, disse Bob.

Nancy fez um grande sorriso no rosto assim que viu o marido a segurar o cartaz, e ainda lhe acenou e soprou muitos beijos.

Vendo quão feliz tinha feito a sua esposa, Bob soube que todos os seus esforços tinham valido a pena. Entretanto, Laura ligou para a equipa do lar, para que o casal pudesse trocar palavras de amor pelo telemóvel. “Foi um prazer. É algo que não podemos fazer todos os dias”, disse Bob.

Ao longo dos 67 anos de casamento dos seus pais, Laura diz que ela e os seus três irmãos aprenderam muito com o relacionamento deles.

“Foram um exemplo para todos nós. Aprendemos muito com eles, e só espero ter metade do que eles viveram juntos. Eles sempre foram uma inspiração para nós”, comentou Laura.

Quanto a Bob, Nancy é e sempre será o amor da sua vida. “Eu não conseguiria gostar de mais ninguém, e acho que ela não suportaria mais ninguém além de mim”, concluiu Bob.

Que linda história de amor, PARTILHE!

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Aceitar Ler Mais