Menino de 11 anos ganha dinheiro a vender limonada e doa 22 mil fraldas para mães solteiras

826

Cartier Carey, um menino de 11 anos, passou o verão na sua barraca de limonada em Hampton, Virgínia, a arrecadar dinheiro para comprar fraldas, toalhitas e outros suprimentos para pais que precisavam de ajuda durante a pandemia de COVID-19.

Ele tomou conhecimento da escassez de fraldas nas lojas durante a pandemia e quis ajudar. “Não havia nenhuma fralda e eu pensei: as pessoas continuam a ter bebés, então eu deveria ajudá-las a comprar fraldas”, explicou.

Então, abriu uma barraca de limonada e ganhou cerca de US $ 4.500 no primeiro mês. O seu stand também serviu como unidade de recolha de fraldas, onde as pessoas podiam doar fraldas.

No seu primeiro dia de volta à escola virtual, Cartier continuou a trabalhar arduamente para carregar um camião com mais de 22.000 fraldas doadas.

Num momento emocionante capturado em vídeo e partilhado pela própria mãe, uma mãe não conseguiu segurar as lágrimas de emoção pelo trabalho e dedicação de Cartier, dizendo que a lembrava de uma época em que ela estava a passar necessidades.

“Tu estás a ajudar tanta gente. Não fazes ideia. Eu morava numa casa da igreja, e se vim de onde vim e agora estou aqui, é por causa de pessoas como tu. As pessoas deram-me fraldas, sabes? Tu és um jovem incrível e podes ir longe”, disse a mulher.

Cartier disse que nunca esqueceria aquele momento, que o motivou a continuar trabalhando. “Foi comovente. Eu quase chorei quando ela me abraçou e começou a chorar. Fez-me querer continuar a fazer isto ainda mais”, conta o jovem.

Embora esteja de volta à escola, Cartier disse que continuará a sua missão. Ele e a sua mãe começaram uma organização sem fins lucrativos chamada “Kids 4 Change”, para ajudar a envolver outras crianças na iniciativa.

Cartier disse que a sua inspiração é Kobe Bryant, falecido jogador de basquetebol que o inspirou a ser maior e melhor e trabalhar no duro.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Cartier Carey (@kids4change757)

“Outros podem fazer a diferença, assim como eu estou a fazer agora. Podem salvar vidas e ser heróis. Nunca se é demasiado jovem ou demasiado velho”, concluiu.

PARTILHE!

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Aceitar Ler Mais