É melhor comprometer-se tarde do que ficar com a pessoa errada

712

Uma regra subentendida na nossa sociedade é que devemos casar na casa dos 20 anos e ter filhos na dos 30.

Mas a verdade é que nem toda a gente se enquadra nesses tempos, e não há mal nenhum nisso, principalmente hoje em dia.

Apesar de vivermos numa era moderna, algumas pessoas ainda ficam escandalizadas quando conhecem pessoas solteiras e sem filhos com mais de 30 anos, e acham-nas infelizes e incompletas. Contudo, é melhor casar tarde do que com a pessoa errada!

Muitos cometem o erro de assumir um compromisso sério com alguém, mesmo sabendo que não é a pessoa certa, por causa da pressão da família e amigos que gostariam de ir a outro casamento, ou porque pensam que é melhor contentarem-se do que ficar sozinhos.

Não é fácil ser solteiro, porque por vezes os outros fazem-nos sentir que há algo de errado connosco, e que por isso é que ainda não encontrámos a tal pessoa, mas não é nada disso.

Ser solteiro não significa nada a não ser que você pode dedicar o tempo que dedicaria a um parceiro com outras coisas, como a carreira, viagens, hobbies ou outras aventuras.

É preciso desmistificar as coisas para que ser solteiro deixe de ser algo visto como um infortúnio, uma desvantagem.

Não ter um parceiro amoroso pode ser tão problemático como ter, porque muitas pessoas comprometidas acabam por deixar para trás os seus estudos, carreira ou objetivos pessoais, o que também não é saudável.

Por fim, também não é verdade quando dizem que quanto mais tempo passa mais difícil é encontrar alguém, pois não há uma data de validade para isso, e o tempo passado como solteiro pode muito bem ser enriquecedor.

Espere pela pessoa certa, e enquanto isso, invista em si mesmo. Vale a pena.

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Aceitar Ler Mais