Aos 104 anos, ele obteve o seu doutoramento resolvendo uma equação impossível. “Nunca é demasiado tarde”

947

Lúcio “Chiquito” Caicedo, estudante da Universidade de Manchester, de 104 anos, que costumava estar demasiado ocupado para conseguir terminar o seu doutoramento, finalmente concluiu a sua dissertação.

Segundo Chiquito, a quarentena utilizada para conter a propagação do novo Coronavírus foi o que lhe deu tempo para terminar a tese

Nascido em Cali, na Colômbia, em maio de 1916, Chiquito viveu 84 anos antes de se mudar para Medellín, capital da montanhosa província colombiana de Antioquia.

Ele recebeu o diploma de bacharel em engenharia civil na Universidade Nacional da Colômbia em Medellin, e depois obteve o título de mestre em Ciência e Tecnologia pela Universidade de Manchester, na Inglaterra, há 7 décadas. Desde então, tem trabalhado na sua tese de doutoramento – isto é, há 30 anos. Entretanto, fundou várias empresas importantes na Colômbia, como as empresas públicas de Medellin, Camacol e Integral S.A..

Quando tinha 73 anos, escreveu para a Universidade de Manchester para estudos adicionais, e foi aceite.

Há 4 anos foi agraciado com o Mérito da Ordem Don Juan del Corral na categoria de ouro, pelo seu empenho e contribuição para o progresso de Antioquia.

Chiquito precisava de resolver um problema de matemática muito complexo antes de poder concluir a tese, o que finalmente aconteceu este ano.

“O meu doutoramento é sobre como determinar a quantidade máxima de água que pode ser retirada de forma sustentável de um rio para energia e outros fins”, explicou.

Segundo Chiquito, a quarentena por causa COVID-19 permitiu que ele se concentrasse apenas na sua pesquisa, que foi a maneira de tirar o melhor proveito da situação.

No entanto, ele está um pouco preocupado com o tempo que a avaliação pode levar. “A última vez que enviei algo, demorou 25 meses para a discussão do assunto e tive de escrever cerca de 170 e-mails a esclarecer os meus pontos de vista”, disse.

Chiquito teve 6 filhos com a esposa, falecida há 5 anos, 12 netos e 6 bisnetos. Foi casado por 67 anos e disse à imprensa local que a família foi “a sua maior conquista”.

PARTILHE esta história inspiradora!

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Aceitar Ler Mais