Pastor alemão escava desesperadamente no lugar onde o seu dono foi enterrado

1.860

Em Fuping, na China, encontramos um pastor alemão chamado Huzi, que perdeu o seu dono Wu, com quem partilhava a vida há mais de 10 anos.

A ligação entre Huzi e Wu, que já era idoso, era tão forte que o animal ficou claramente em sofrimento após a sua morte.

Quando Wu foi enterrado, Huzi ficou muito ansioso. Começou a ganir e a farejar o odor do dono, que já não via em lado nenhum, e foi cavar a terra no sítio em que ele estava, à espera de conseguir revê-lo.

O pobre pastor alemão não abandonou o local e continuou a andar à volta do túmulo, até que resolveu deitar-se no chão e simplesmente ficar ali. Ninguém o conseguia demover.

Recusou-se a comer e a beber durante 3 dias, e só depois começou a aceitar, sempre relutantemente.

Esta é a prova que os animais também sentem amor e fazem o luto, como todos nós.

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Aceitar Ler Mais