Um jovem de 17 anos teve um enfarte depois de passar noites sem dormir a jogar videojogos

4.835

Esta é a história de Piyawat Harikun, um jovem tailandês de 17 anos, que infelizmente perdeu a vida após sofrer um ataque cardíaco por jogar no computador durante demasiado tempo.

Quando ficou de férias, Piyawat trancou-se no quarto a jogar, e por mais que os pais o alertassem, para fazer pausas e passar menos horas ao computador, ele não os ouvia.

Certo dia, o pai Jaranwit, entrou no quarto do filho após ligar-lhe diversas vezes, e deparou-se com a horrível visão do corpo de Piyawat caído ao lado da cadeira do computador, já sem vida.

Jaranwit levou o filho para o hospital o mais rapidamente possível, e os médicos fizeram tudo ao seu alcance para o reanimar, mas em vão.

“O meu filho era um rapaz muito inteligente e tinha sempre boas notas na escola, mas tinha um grande problema de dependência de videojogos. Tentei avisá-lo, fazê-lo parar… ele tinha prometido que ia reduzir as horas de jogo, mas já era demasiado tarde”, disse Jaranwit.

Agora, os pais do jovem sentem-se profundamente arrependidos por não terem sido mais rígidos com ele.

A dependência dos videojogos já é uma condição conhecida como um distúrbio pela Organização Mundial de Saúde. Embora não seja absolutamente garantido que a tragédia de Piyawat se tenha devido aos jogos em exclusivo, é certo que estes o isolaram ao ponto de provocar a morte.

É muito importante estar atento a todos os sinais de dependência, principalmente dos mais jovens, para evitar situações como esta.

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Aceitar Ler Mais